da ponta dos dedos

.posts recentes

. Clone

. Realidade digital

. California Ruins

. Crescer

. Tomar balanço

. Mais música

. A ilha do pessegueiro

. Abrir horizontes

. Fábula do Peixinho e do S...

. Às Armas

.arquivos

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

Segunda-feira, 2 de Abril de 2007

Dias quietos

De vez em quando há dias assim. Acordo atrasada, despenteada, mal-disposta, preocupada. Ainda por cima é segunda-feira, está a chover e muito frio.

Chego ao trabalho e alguém com quem trocar duas palavras. Há um sorriso e frases de encorajamento e compreensão.

Depois ao longo do dia, o trabalho começa a correr menos mal, começo a aquecer, a entrar no ritmo e a escrita e o pensamento flúem. A certa altura surgem sentimentos de pouca modéstia como: "eu sou mesmo boa a fazer isto", "a nossa equipa funciona muito bem".

Por fim quando a tarde se vai acabando, posso ir-me embora descansada, fiz um bom trabalho e já parou de chover.

Assim começa Abril, com águas mil, muito trabalho e um sorriso interior.


publicado por Ana Teresa Fernandes às 18:31

link do post | comentar | favorito

.eu

.pesquisar

 

.links

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds