da ponta dos dedos

.posts recentes

. Kuia

. Silêncio

. Outono

. Lendário

. Dam Bô

. Fadinho Simples

.arquivos

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005


Quarta-feira, 28 de Março de 2007

Kuia

Sara Tavares ontem no Cinema São Jorge, Lisboa. Grande Concerto!
Dois momentos marcantes: o duelo entro o baterista e o percursionista mediado pela voz da Sara em "Amor é"; o fim do concerto com "Bom feeling" e "One love" com toda a gente a dançar e a cantar.
Por noites assim vale a pena vir a dormir para o trabalho. 


publicado por Ana Teresa Fernandes às 09:47

link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 17 de Novembro de 2006

Silêncio

Agora vamos ficar em silêncio durante os tempos... a ouvir o eco que ficou no ar das músicas que já por aqui passaram.

publicado por Ana Teresa Fernandes às 15:24

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Terça-feira, 26 de Setembro de 2006

Outono

Chega o frio e as primeiras chuvas. As folhas secas das árvores começam a inundar as ruas. Chega o Outono. Os dias já começam a ficar mais curtos, a seguir vão ser as camisolas de lã a sair da gaveta. Começam a apetecer os fins de tarde sossegados enquanto se olha pela janela e se bebe um leite com chocolate quentinho. Deixo-vos com um fado para receber esta estação.

A ouvir:
A minha rua
Camané (http://www.camane.em.pt)

PS: Este fado chamou-me à atenção ultimamente, no meio de muitos outros que ouvi recentemente. Porquê este? A sua letra não é particularmente bonita, a sua melodia não excepcionalmente elaborada. Porém, a verdade é que este fado puxou-me para dentro dele como nenhum dos outros. Inundou-me e deixou-me ansiosamente à espera do Verão para "pôr a rua a meu jeito". Não sei bem o que este fado tem para ter em mim tal efeito, mas não posso esquecer, é claro, que tem a voz quente do Camané a cantá-lo.


publicado por Ana Teresa Fernandes às 23:35

link do post | comentar | favorito

Sexta-feira, 30 de Junho de 2006

Lendário

Já há uns tempos que ando para pôr aqui a tocar "O Lendário Homem Tigre". Desde que vi um concerto dele muito engraçado num cafezinho pequenino a abarrotar de gente. E agora, que vou estar fora durante uns tempos e provavelmente não vou escrever muito, deixo os meus escassos leitores com esta música. Aproveitem e até ao meu regresso.

publicado por Ana Teresa Fernandes às 15:42

link do post | comentar | favorito

Quinta-feira, 1 de Junho de 2006

Dam Bô

Voltei ao mais recente albúm de Sara Tavares, Balancê, para apresentar uma música completamente diferente da que tinha antes (o Bom Feeling que esteve aqui em Dezembro). Esta música chama-se Dam Bô, o que não faço ideia o que quer dizer, e aliás, também não percebo bem a letra. Mas adoro esta melodia.

Já lá vão quase 8 anos que vim viver para Lisboa. Daqui a um ano terei passado por aqui um terço da minha vida, nesta cidade que ainda ando a tentar compreender. Numa cidade que ainda não sinto, nem sei se um dia vou sentir, como minha. Lisboa continua a ser uma cidade emprestada, uma cidade  grande de mais para que seja possível conhecer completamente.

Esta música faz-me lembrar Lisboa, acho que deve ser do ritmo, da pulsação. Não é a Lisboa de Belém, da Baixa e dos postais, mas a Lisboa do dia-a-dia. Dos milhares de pessoas que se cruzam na rua, no metro, nos autocarros, nos comboios. A Lisboa das pessoas normais que aqui vivem, trabalham, vão às compras aos grandes centros comerciais e vão à Costa da Caparica quando chega o calor. Lisboa ao som de Dam Bô.


publicado por Ana Teresa Fernandes às 17:21

link do post | comentar | favorito

Segunda-feira, 13 de Março de 2006

Fadinho Simples

Continuando com fado, desta vez deixo-vos com Marta Dias acompanhada por António Chainho. Um fado em tons de soul para nos animar os espíritos.


publicado por Ana Teresa Fernandes às 12:07

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

.eu

.pesquisar

 

.links

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds